Dás explicações? Consegue novos explicandos!
Inscreve-te como Explicador(a) no Estudante.com para apareceres no directório de explicadores.

Mensagem de erro

Strict warning: Only variables should be passed by reference em mulpo_preprocess_page() (linha 3 de /home/cde/public_html/sites/all/themes/mulpo/template.php).

Como alugar um apartamento na tua cidade universitária

Alugar um apartamento

Ir estudar para uma universidade longe de casa implica arranjar um quarto na residência universitária ou alugar um apartamento, quer seja sozinho ou em conjunto com outras pessoas. Este último cenário é o mais comum e aquele que exploramos neste artigo porque, alugar um apartamento quando fores para a universidade é algo que requer alguma ponderação.

Sozinho ou acompanhado?

Uma das primeiras decisões a tomar antes de alugar um apartamento na cidade universitária onde irás estar durante os próximos anos é se queres viver sozinho ou acompanhado. Partilhar o apartamento com várias pessoas tem vantagens e desvantagens, assim como viver sozinho. Que tipo de pessoa é: muito ou pouco social? Preferes ter um cantinho só teu e não ter de dividir nada com ninguém? Gostas da ideia de partilhar uma casa com várias pessoas? Tomada esta decisão, podes avançar para o próximo passo.

Colegas de apartamento: conhecidos ou desconhecidos?

Se vais partilhar o apartamento com outras pessoas, antes de o alugar terás de definir se queres viver com pessoas que já conheces ou se não te importas de viver com desconhecidos. Viver com amigos implica reunir, logo à partida, esse grupo e procurar um apartamento para alugar em conjunto, tendo em conta os requisitos de todos. Por outro lado, podes procurar um quarto num apartamento onde já vivem pessoas – se tiver tudo aquilo que procuras tanto melhor e terás ainda a oportunidade de conhecer pessoas novas. Outra opção passa por alugares o apartamento e tentar recrutar inquilinos, divulgando o apartamento na Internet ou espalhando panfletos com uma descrição do apartamento e o teu contacto na faculdade e arredores.

Tamanho do apartamento?

Se vais viver sozinho, o mais certo é alugar um apartamento pequeno, com apenas um quarto ou mesmo um pequeno estúdio. Se vais alugar um apartamento com várias pessoas é importante definir se queres um quarto só para ti ou se não tens qualquer problema em partilhar uma divisão com outra pessoa. Para além disso, muitos universitários transformam a sala do apartamento num quarto o que permite que mais gente viva lá e, consequentemente, baixar a renda para todos. Por outro lado, ficam sem um espaço de convívio no apartamento. Questões importantes a considerar antes de alugar um apartamento universitário…

Mobilado ou por mobilar?

Por norma, um apartamento mobilado é ligeiramente mais caro do que um apartamento por mobilar, no entanto, gastar dinheiro em mobília que vais necessitar apenas para a duração do curso pode não ser um investimento que valha a pena. Se tiveres muita mobília na garagem dos teus pais, avós ou outros familiares que possa ser aproveitada para mobilar um apartamento alugado, aí está uma excelente maneira de poupar dinheiro. Por outro lado, com um apartamento mobilado é chegar, desfazer as malas e não há mais preocupações.

Longe ou perto da universidade?

Uma questão fundamental para quem vai alugar um apartamento numa cidade universitária é decidir se quer viver perto ou longe da faculdade. Cada uma das opções tem as suas vantagens e desvantagens: um apartamento longe da universidade é geralmente mais barato do que um apartamento colado à faculdade e se tiveres carro próprio o transporte será facilitado; por outro lado, sentes-te seguro a ir para casa de noite ou quando saíres muito tarde das aulas? Viver perto da universidade é um bom incentivo para não te atrasares, para poupar dinheiro em transportes públicos e poder almoçar em casa, por exemplo. Analisa bem todos os prós e contras.

A renda está dentro do meu orçamento?

Todos sabemos que o orçamento mensal de um estudante universitário é limitado e deves tentar poupar dinheiro sempre que possível. Tendo em conta que o alojamento representará uma fatia significativa do teu orçamento mensal, deves avaliar a renda de várias maneiras: se viveres sozinho, terás de suportar a renda e todas as restantes despesas da casa sozinho; se partilhares um apartamento com colegas todas as despesas serão divididas; um apartamento maior é mais caro do que um apartamento mais pequeno; um apartamento próximo da universidade é mais caro do que um apartamento longe da faculdade; um apartamento mobilado é geralmente mais caro do que um apartamento por mobilar, mas será que compensa comprar mobília? Visita vários apartamentos, pesa as vantagens e desvantagens de cada um e faz muitas contas (não te esqueças de acrescentar água, luz e gás ao valor da renda) antes de decidir qual deles vais alugar.

Que tipo de contrato?

Nunca assines nada sem ler tudo de uma ponta a outra, incluindo algo aparentemente tão inofensivo como o contrato de aluguer de um apartamento.

Informa-te se a renda prevista no contrato inclui já as despesas de água, luz, gás e condomínio ou se essas contas são pagas à parte. Verifica se o contrato te “prende” ao apartamento durante vários anos ou apenas um – imagina que para o ano já vais ter carro e queiras viver num apartamento mais próximo do centro da cidade em vez da universidade? Ou imagina que queres ir estudar para fora durante um semestre ou até um ano. Evita um contrato de aluguer de longo prazo, porque muita coisa pode acontecer nestes anos universitários e não queres estar preso a um apartamento.

Onde procurar?

Existem inúmeras formas de procurar um apartamento para alugar: nos classificados dos jornais, online, através de agências imobiliárias, visitando as zonas que gostas para ver se existem placas de aluguer nos prédios, nos placards informativos expostos na universidade, em montras de lojas e cafés junto da faculdade, pedindo referências a colegas universitários.

A sua votação: 
Média: 5 (4 votos)